Dia Municipal para a Igualdade

2020

O Município de Penalva do Castelo, reconhecendo a importância da igualdade de oportunidades e responsabilidades entre mulheres e homens para o estabelecimento de relações humanas construtivas e para a evolução social e económica, assinalou, pelo 6.º ano consecutivo, o Dia Municipal para a Igualdade.

A iniciativa de 2020 foi especialmente direcionada aos alunos da Educação Pré-Escolar e do 1º CEB, de modo a que as gerações mais novas possam, em contexto formal, ser educadas para a cidadania e para igualdade, no sentido da desconstrução de papéis de género estereotipados.

Tendo por base a história “As Ideias da Bia”, de Elizabeth Baguley, a equipa da Biblioteca Municipal relizou um teatro de fantoches que, de forma lúdica e divertida, pretendeu levantar questões cruciais que conduzissem os alunos a refletir sobre estereótipos de género com que se confrontam diariamente.

O teatro foi enviado em formato vídeo para todos os estabelecimentos de ensino de modo a que os alunos continuem a refletir sobre as questões relacionadas com a igualdade de género, nestes tempos de pandemia em que se procuram minimizar os contactos sociais. No final, foram lançados alguns desafios com o objetivo de consolidar a mensagem transmitida pela narrativa.

 

 

 

2019

O Município de Penalva de Penalva do Castelo abraça, desde o ano de 2011, o projeto “A igualdade faz o meu género”, através da implementação de um Plano Municipal para a Igualdade que procura promover mudanças de comportamentos e o desenvolvimento de competências de cooperação entre os sexos, bem como sensibilizar para o direito à igualdade de tratamento, independentemente do sexo, religião ou crença, deficiência, idade ou orientação sexual. É ainda objetivo deste projeto a promoção de uma sociedade mais justa e mais coesa, procurando eliminar estereótipos, preconceitos, atos violentos, com vista ao estabelecimento de relações positivas entre os membros da sociedade.

No ano de 2019 o Dia Municipal para a Igualdade foi assinalado com a exposição, num mural, da opinião de alguns alunos do 8º ano de escolaridade do Agrupamento de Escolas de Penalva do Castelo sobre a temática da igualdade, nomeadamente de género.

 

 

2018

Assinalando-se no dia 24 de outubro o Dia Municipal para a Igualdade esteve patente no átrio do Edifício dos Paços do concelho a exposição “P♀DER NO FEMININO – rostos, testemunhos e igualdade”, que pretendeu levar à reflexão sobre a importância da inclusão do princípio da Igualdade de Género em todas as esferas da sociedade e, simultaneamente, destacar algumas mulheres do concelho ou que no concelho ocupam cargos de poder ou desempenham profissões tradicionalmente mais associadas aos homens, de modo a se desconstruírem estereótipos no caminho pela igualdade de género.

 

 

 

 

2017

De forma a assinalar o Dia Municipal para a Igualdade, celebrado no dia 24 de outubro de 2017, a Câmara Municipal de Penalva do Castelo apresentou a todos os alunos do Pré-Escolar e 1º CEB do concelho o livro “Mariana Num Mundo Igual”.

Este livro, escrito por Mariana Monteiro, atriz, apresentadora e Champion da Igualdade de Género pelas Nações Unidas desde 2015, pretende sensibilizar as crianças para que sejam adotadas atitudes e comportamentos não discriminatórios, alertando-as para a importância da promoção da Igualdade de Género e de Oportunidades.

A apresentação foi feita pelo técnico da Betweien, Fábio Rocha, ator profissional, que conseguiu transmitir a importância que todos nós, inclusivamente as crianças, podemos ter na construção de um mundo mais justo, igualitário e não discriminatório.

 

 

2016

Entre os dias 24 de outubro e 07 de novembro de 2016 esteve patente, na Biblioteca Municipal de Penalva do Castelo, a exposição “P♀DER NO FEMININO – rostos, testemunhos e igualdade”, com o objetivo de levar à reflexão sobre a importância da inclusão do princípio da Igualdade de Género em todas as esferas da sociedade e, simultaneamente, dar visibilidade a algumas mulheres do concelho ou que no concelho ocupam cargos de poder ou desempenham profissões tradicionalmente mais associadas aos homens, de modo a se desconstruírem estereótipos no caminho pela igualdade de género.

Esta exposição, enquadrada no âmbito da comemoração do Dia Municipal para a Igualdade, assinalado pelo Município de Penalva do Castelo a 24 de outubro, aliou ao trabalho fotográfico a recolha de 11 opiniões diferentes, de 11 mulheres diferentes sobre questões ligadas à (des)igualdade de género.

 

 

2015

No âmbito do Dia Municipal para a Igualdade, assinalado no dia 24 de outubro de 2015, o Município de Penalva do Castelo associou-se à Biblioteca Municipal com o intuito de realizar uma ação de sensibilização sobre a influência dos estereótipos na definição do projeto de vida da criança. Esta atividade, dirigida a crianças com idades compreendidas entre os 4 e os 13 anos, inseriu-se na habitual estrutura do projeto “Sábados na Biblioteca”, onde foi contada a história “O Tiago é muito alto”, que retrata a fábula de um coelhinho muito alto para a sua idade e que, pela sua diferença, era discriminado pelos seus colegas.

Após um pequeno debate sobre a moral do conto infantil, deu-se início à atividade denominada “Quem é quem?”, onde foi descrita uma profissão tipicamente associada ao sexo masculino e foi pedido às crianças que retratassem a pessoa, a partir da descrição que estava a ser feita.

Sendo que o profissional retratado era da área da engenharia geológica foi interessante constatar que apenas duas meninas, com 10 anos de idade, escolheram desenhar uma engenheira, enquanto os restantes representaram o sexo masculino. Esta deu origem a uma discussão em grupo sobre a existência ou inexistência de profissões destinadas para cada um dos sexos com a ajuda da Engenheira Isabel Ferreira, profissional da Câmara Municipal de Penalva do Castelo, que se mostrou disponível para esclarecer todas as dúvidas sobre o trabalho que desempenha, seu projeto de vida e dificuldades inerentes em trabalhar num meio tipicamente masculino.

Foi uma oportunidade de reflexão em que as crianças conviveram com exemplos concretos do dia-a-dia de uma profissão que desconheciam; onde identificaram comportamentos discriminatórios no seu grupo de pares; desmistificaram estereótipos e desenvolveram ferramentas úteis para promoverem a igualdade de género junto dos seus.

 

SERVIÇOS PARA CONSULTA

ALERTAS COVID-19

ALERTAS COVID

Procedimentos e directivas a proceder no município
Consultar

Município de Penalva do Castelo

Acesso Restrito